*É um Lusófono com L grande? Então adira ao MIL: vamos criar a Comunidade Lusófona!*
BLOGUE DO MIL: MOVIMENTO INTERNACIONAL LUSÓFONO

Participe também nas nossas páginas "facebook":

http://www.facebook.com/groups/2391543356/
http://www.facebook.com/groups/168284006566849/

E veja os nossos vídeos:
http://www.youtube.com/movimentolusofono

Apoiado por muitas das mais relevantes personalidades da nossa sociedade civil, o MIL é um movimento cultural e cívico registado notarialmente no dia quinze de Outubro de 2010, que conta já com mais de 40 milhares de adesões de todos os países e regiões do espaço lusófono. Entre os nossos órgãos, eleitos em Assembleia Geral, inclui-se um Conselho Consultivo, constituído por uma centena de pessoas, representando todo o espaço da lusofonia.
Defendemos o reforço dos laços entre os países e regiões do espaço lusófono – a todos os níveis: cultural, social, económico e político –, assim procurando cumprir o sonho de Agostinho da Silva: a criação de uma verdadeira comunidade lusófona, numa base de liberdade e fraternidade.

SEDE: Palácio da Independência, Largo de São Domingos, nº 11 (1150-320 Lisboa)
NIB: 0036 0283 99100034521 85; IBAN: PT50 0036 0283 9910 0034 5218 5; BIC: MPIOPTPL; NIF: 509 580 432

Caso pretenda aderir ao MIL, envie-nos um e-mail: adesao@movimentolusofono.org (indicar nome e área de residência). Para outros assuntos: info@movimentolusofono.org. Contacto por telefone: 967044286.

"Trata-se, actualmente, de poder começar a fabricar uma comunidade dos países de língua portuguesa"

"Trata-se, actualmente, de poder começar a fabricar uma comunidade dos países de língua portuguesa"
Trata-se, actualmente, de poder começar a fabricar uma comunidade dos países de língua portuguesa, política essa que tem uma vertente cultural e uma outra, muito importante, económica.

A direita me considera como da esquerda; esta como sendo eu inclinado à direita; o centro me tem por inexistente. Devo estar certo.


Agostinho da Silva

quinta-feira, 17 de maio de 2012

Homenagem à Identidade Lusa

Organizada pelo Núcleo de Amigos do Elmo de D. Sebastião e coordenada pelo historiador Rainer Daehnhardt, irá decorrer no próximo dia 20 de Maio uma homenagem à Rainha Santa Isabel, ao V Império e ao Culto do Espírito Santo, os “três pilares associados à lusa identidade”, na Quinta Wimmer em Belas.

“O evento terá lugar no bosque dos carvalhos sagrados onde, assim reza a história, Viriato enterrou a sua espada invicta”, podemos ler no convite. O evento terá uma duração estimada em quatro horas (das 14:00 às 18:00) e contará com uma exposição composta por 20 vitrinas com peças ligadas às temáticas acima referidas (14:00), uma largada de sete pombas brancas do pombal de Vítor Tirano (14:45), música ao vivo a cargo de Alexandre Gabriel (Harpa Endovélica, 15:00) e do Coro de Mafra, que irá cantar em latim, português e alemão (15:30).

Às 16:00 inicia-se um ciclo de conferências a cargo de Carlos Dugos (“Santa Isabel, Rainha de Portugal”), Carlos Sebastião Silva (“O V Império”) e José de Almeida (“O Culto do Espírito Santo”). A homenagem é de acesso livre, a título gratuito, e cada um dos visitantes presentes “será oferecido um alfinete com uma miniatura da Rosa Isabelina com sua lágrima em forma de pérola; para futura memória”. Os primeiros 120 participantes a chegar ao local receberão também “um pequeno castanheiro para plantarem em qualquer parte do país, em homenagem à Rainha Santa Isabel. Com isso se evocará o seu espírito de dar sem nada pedir. Trata-se de uma gentil oferta da Escola Superior Agrária do Instituto Politécnico de Bragança, trazida de Trás-os-Montes por Raimundo Maurício.”

 Nas palavras do coordenador, e anfitrião, Rainer Daehnhardt: “No bom espírito isabelino É TUDO DE GRAÇA. Não se pede, nem se aceita dinheiro, apenas que se AME PORTUGAL e que se respeite a memória de D. SEBASTIÃO, que se tenha carinho para a Rainha Santa Isabel, que se oiça com atenção acerca do V. IMPÉRIO e que se veja como (principalmente nos Açores) gente lusa tem mantido a fidelidade ao CULTO DO ESPÍRITO SANTO, embora que esta decisão não agradasse aos poderes estabelecidos.

HÁ QUEM ACREDITE NO FUTURO DE PORTUGAL, num Portugal SÃO e POSITIVO onde se AJUDA SEM NADA PEDIR EM TROCA e se COMPARTILHA de cara alegre.” O evento irá decorrer na Quinta Wimmer, Estrada Nacional 117, ao km 10, em Belas (Portugal).

Sem comentários: