*É um Lusófono com L grande? Então adira ao MIL: vamos criar a Comunidade Lusófona!*
BLOGUE DO MIL: MOVIMENTO INTERNACIONAL LUSÓFONO

Participe também nas nossas páginas "facebook":

http://www.facebook.com/groups/2391543356/
http://www.facebook.com/groups/168284006566849/

E veja os nossos vídeos:
http://www.youtube.com/movimentolusofono

Apoiado por muitas das mais relevantes personalidades da nossa sociedade civil, o MIL é um movimento cultural e cívico registado notarialmente no dia quinze de Outubro de 2010, que conta já com mais de 40 milhares de adesões de todos os países e regiões do espaço lusófono. Entre os nossos órgãos, eleitos em Assembleia Geral, inclui-se um Conselho Consultivo, constituído por uma centena de pessoas, representando todo o espaço da lusofonia.
Defendemos o reforço dos laços entre os países e regiões do espaço lusófono – a todos os níveis: cultural, social, económico e político –, assim procurando cumprir o sonho de Agostinho da Silva: a criação de uma verdadeira comunidade lusófona, numa base de liberdade e fraternidade.

SEDE: Palácio da Independência, Largo de São Domingos, nº 11 (1150-320 Lisboa)
NIB: 0036 0283 99100034521 85; IBAN: PT50 0036 0283 9910 0034 5218 5; BIC: MPIOPTPL; NIF: 509 580 432

Caso pretenda aderir ao MIL, envie-nos um e-mail: adesao@movimentolusofono.org (indicar nome e área de residência). Para outros assuntos: info@movimentolusofono.org. Contacto por telefone: 967044286.

"Trata-se, actualmente, de poder começar a fabricar uma comunidade dos países de língua portuguesa"

"Trata-se, actualmente, de poder começar a fabricar uma comunidade dos países de língua portuguesa"
Trata-se, actualmente, de poder começar a fabricar uma comunidade dos países de língua portuguesa, política essa que tem uma vertente cultural e uma outra, muito importante, económica.

A direita me considera como da esquerda; esta como sendo eu inclinado à direita; o centro me tem por inexistente. Devo estar certo.


Agostinho da Silva

terça-feira, 1 de setembro de 2015

OS SINAIS DO FUTURO

Os "Sinais do Futuro" estão sendo no presente desenhados de forma bem clara no horizonte da Europa! Admitimos de que dentro dos próximos 3 a 5 anos grandes transformações vão ocorrer na Europa. Não sabemos se vai ser a transformação dramática e estranha da civilização europeia ou a transformação da Europa em "Fortaleza". Certamente que para alguns países já deverá ser tarde! É simplesmente extraordinária a forma passiva e estupidamente ingénua com que os políticos e dirigentes europeus estão reagindo à atual "invasão" da Europa. Esta mesma "Invasão" está obedecendo à várias fases, sendo duas delas já conhecidas, a primeira virada para a eclosão do terrorismo em diferentes regiões da Europa e dos próprios Estados Unidos e a outra - a pacífica e aparentemente inofensiva irá sofrer gradualmente várias alterações até chegarem  à beligerância. Até ao presente ainda não se ouviu um comentário sério e realista sobre a dramática "realidade" que se está abatendo sobre os europeus! Torna-se urgentemente necessário que algum responsável político venha a denunciar de forma honesta sobre o que de insólito está ocorrendo na Europa. Vamos raciocinar: - os líderes jiahdistas são oriundos de países como a Síria; a Líbia; o Iraque, o Irão ou ainda do Egito! Países que pertencem ou pertenceram a civilizações muito antigas que tanto num passado longínquo como no presente todas elas são portadoras de uma cultura onde  todas as virtudes, defeitos e manhas atingiram as suas expressões máximas e nas quais os europeus são ainda simples aprendizes em termos de experiências e conhecimentos! A "Teoria da Conspiração" na realidade não é estranha às mentalidades ardilosas daqueles mesmos líderes para os quais a atual invasão de migrantes na Europa não é absolutamente nada estranha. Na verdade trata-se de uma ardilosa e maléfica estratégia que os respetivos mentores têm vindo a desenvolver matando e saqueando povos de diferentes etnias na Ásia e em África  expulsando-os das suas áreas naturais de vivência empurrando-os violentamente para a Europa, obedecendo sempre a um prévio e bem elebaorado plano de invasão bélica para a  destruição da Europa e dos europeus. Na realidade está já implantada a 3ª Guerra Mundial, onde os europeus ingenuamente continuam na ilusão gananciosa do lucro e da obtenção de riqueza!  Muito provavelmente já começa a ser tarde para alguns países europeus que estão já a ser afetados pela invasão de milhares de pessoas! Entretanto, outros  países já se estão a preparar para criarem a "Europa Fortaleza"!
O que nos vai caber a nós habitantes da Península Ibérica? Começa a ser oportuno uma reflexão rápida com a tomada de medidas inteligentes  de prevenção e proteção! Temos de reconhecer de que perante uma invasão maciça de povos completamente estranhos em termos de mentalidade e de cultura não vislumbramos a possibilidade de uma solução eficaz e pacífica! Convém refletirmos sobre este tremendo drama que nos está a atingir a todos nós e que nos poderá conduzir  a médio prazo à desgraça, à miséria se não à morte!? Muito provavelmente já será tarde para conseguirmos uma solução pacífica e ideal, pois não estamos interessados como o Povo diz que de "depois da casa arrombada põem-se trancas à porta!"

Nós, Portugueses e Ibéricos estejamos alerta! -   Jacinto Alves, autor do livro "Ensaio Sobre a Doutrina do Quinto Império" - Chiado Editora

Sem comentários: